NBR-14136

 

    Já à muitos anos atrás os Brasileiros vinham tendo problemas com os modelos de tomadas disponíveis no mercado. Haviam tomadas de todos os tamanhos e formatos, uns até muito esquisitos.

 

   

O problema é que o Brasil é um País livre, e produtos estrangeiros entravam livremente sem padronização, tipo Norte-Americano, Europeu, Chinês, etc., cada um com um tipo de Plugue/Tomada diferente.

Muitos problemas ocorriam tipo: você vai à uma loja de eletrodomésticos e compra uma Lavadora de Roupas, chega em casa em Tchan! O plugue não entra na tomada! Vc fica com vontade de cortar o cabo da lavadora e ligar direto na tomada, mas claro que vc vai perder a garantia do produto, então entra em ação o super marido que após ouvir um monte da esposa vai em todas as lojas de materiais elétricos e de construção atrás daquela bendita tomada, roda horas até que enfim encontra a mesma, chega em casa irritado e ouve mais um monte da esposa que reclama que vc é enrolado e ainda não instalou a máquina...e por aí vai... sem falar na questão da segurança, muitos padrões estrangeiros não garantiam/garantem as mínimas condições de segurança aos usuários e o pior de tudo são  os fabricantes “piratas” que produzem tomadas e plugues de péssima qualidade...

Mas o Brasil progrediu, cada dia que se passava a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) conquistava mais respeito junto aos demais órgãos públicos e à sociedade, esses por sua vez trabalharam em grupo, até que em um dia a ABNT afim de acabar de uma vez por todas com essa Zorra, lançou a NBR-14136 (Plugues e Tomadas para uso doméstico e análogo até 20A/250V em corrente alternada-Padronização), sendo então os fabricantes nacionais e importadoras obrigados à seguirem a nova padronização  do Brasil, ou seja, seja lá qual for o eletrodoméstico ou tomada, se for vendido dentro do Brasil , se ele se enquadrar em uso doméstico, seu plugue deverá seguir o novo padrão brasileiro.

              

 

Essa mudança causou muitos desentendimentos, do tipo: “Pô meu, não encontro mais a tomada que serve ao plugue do computador!”, “Os fabricantes de computadores continuam fabricando seus plugues usando um padrão diferente do novo padrão brasileiro!”, “Esse novo padrão brasileiro veio para atrapalhar as nossas vidas!”.

Mas é tudo questão de tempo, atualmente os fabricantes de tomadas não podem mais produzir/vender tomadas que não sejam do padrão NBR-14136...com isso os fabricantes de eletrodomésticos vão se adaptando ao novo padrão (caso contrário perdem em vendas e levam multas), provavelmente daqui à 10 anos 100% de todas as residências terão apenas tomadas padronizadas pela NBR-14136.

Outra questão é o preço das novas tomadas, chegam ao dobro do antigo padrão! Os fabricantes jogam a culpa no material utilizado nas mesmas, dizem que o novo padrão exige uma qualidade superior às antigas, bem como houve custos de projeto. Mas isso é só desculpa, quando a NBR-14136 foi lançada, a mesma durante alguns anos não era obrigatória, sendo dado algum tempo aos fabricantes para se adaptarem, mas ao invés de se adaptar continuaram à fabricar o antigo padrão estrangeiro (por que julgavam que o novo padrão não seria aceito pela sociedade), mas a adaptação tinha um prazo, que derrepente venceu, quem continuasse fabricando/vendendo do antigo padrão seria multado...daí a bomba explodiu! Somente alguns fabricantes estavam com o novo produto pronto para ser vendido, e consequentemente podiam abusar e ditar o valor de seus produtos, já que não havia concorrência...mas em pouco tempo os demais fabricantes correram atrás e já estão produzindo/vendendo do novo padrão...em pouco tempo os preços voltarão à média das tomadas antigas.

 Resumindo, a NBR-14136 é um mal benéfico.

 

Se vc deseja mais informações sobre a NBR-14136, poderá adquiri-la por meio do site http://www.abnt.org.br, ou obter mais informações por meio do seu Eletricista de confiança.

Só lembrando que a mesma não é de fornecimento gratuito portanto fazer downloads em sites estranhos, reproduzir partes ou na íntegra ou adquirir a mesma não sendo por meio da ABNT, é pirataria e crime!


 
Soluções sob medida para indústrias que procuram inovar na tecnologia de seus equipamentos.

                    Inovação